5.12.06

Capítulo 45: (Daniela)

Fechei a porta atrás de mim e ele aspirou o perfume da minha nuca, com a boca a roçar a minha pele. Senti os pêlos do braço me arrepiarem. Joguei o peso da cabeça para trás e Ricardo suspendeu o meu vestido com o punho fechado, sentiu as cochas e eu soltei um suspiro com o coração a disparar feito bomba relógio.

Virei-me de frente para ele e encontrei um sorriso branco, lindo. Olhos vivos e a luz fraca iluminando sua face esquerda. Acaricie-lhe com os dedos o seu cabelo sedoso e ele fechou os olhos para sentir melhor o toque das minhas mãos. De repente, despertou com o desejo incontido e me beijou na boca com muita vontade. Segurou-me com os braços fechados ao meu redor, para que eu não caísse.

_Você é tudo o que eu preciso..._ ele caminhou em direção a cama e eu fui dando passos atrás, sem tirar os olhos dos dele.
_Eu sei que isso não é certo..._ parei, no limite da cama, com os olhos pregados no chão.
_Mas eu não posso conter..._ ele me fez cair sob o colchão e eu o recebi entre as minhas pernas.


Eu aspirei aquele perfume seco, lambi a pele, senti-lhe o gosto e quis mais. Ele ergueu-se para tirar a camisa e a deixou caída no chão. Passei as unhas pelas costas largas, musculosas, úmidas.

Nos amamos e chegamos muito perto da paz eterna de que devem provar os mortos, tocamos o céu e morremos sem reflexos, dentro do maior êxtase de que eu já pude provar.

Quando entreabri os olhos encontrei os dele me admirando, sonolento. Dormimos entrelaçados e mergulhei no nada. Silêncio, quietude e unidade.

6 comentários:

Mercia disse...

uhh... que calor!!!! muito bom!!!! :-)

Jana disse...

hummmmm.... tomsra que agora eles se acertemm.. mas ainda tem a irmã dela que não sabe de nada ainda... :-|

Aninha disse...

caramba... deu até calor lendo e imaginando tudo isso heim!!!!! e me faz lembrar que estou há meses sem nada disso...auhuhua!!!!

Lê disse...

Olá!
Achei teu blog por acaso ontem, passei a tarde inteira lendo todos os capítulos!! estou adorando a história e não vejo a hora de chegarem os novos capítulos!
A história é muito boa e o seu jeito de escrever nos prende!!

autora disse...

que bom, Lê, que está gostando! é um prazer escrever. Beijos para vocÊ!

Anônimo disse...

Poutz!!! Você descreve as cenas de uma maneira tão poética!!! \o/ *suspiro* aiaiai...